Chega de ser macaco de auditório!

Chega de ser macaco de auditório!

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Lições do Imperador!



Shuktruk Nahunte destruidor de Sippar, apesar disto suas conquistas não podem ser facilmente encontradas em nenhum livro de história e sabem por que? Grandes ambições e conquistas sem contribuição não tem significado algum. Qual será a sua contribuição? como a história irá se lembrar de vc?
Ouse ser diferente.
Eu não quero deixar este mundo sem deixar minha marca. sim sou cheio de ambição Quero ser e ter o melhor que este mundo pode me dar, mas não quero acabar como Shutruk-Nahunte. Este é um soberano que consquistou e reinou sobre a Babilônia e ainda sim ninguem se lembra dele.
Isto me assusta! Me recuso a me tornar outra estatística. A sociedade nos transformou em seres umbigóides , egoístas. Se nós queremos que nossos feitos sejam lembrados, temos que fazer uma contribuição marcante para a sociedade.
A vida não é só um grande fracasso ou um grande sucesso. Nós temos que redefinir o sucesso. Lembre-se de onde você veio e lembre-se de ser grato e devolver oque recebeu de sua comunidade, aonde que que você vá lembre-se do ensinamento de Shutruk-Nahunte-- o grande e ambicioso conquistador,sem contribuição, não tem valor. Tenha um pensamento servil onde quer que você vá. Líderes estão aqui para servir.

(do filme "O clube do imperador")



Me lembro que em uma das reuniões que fui na minha comunidade religiosa o interlocutor nos explicava por que o nome para um homem era tão importante na idade média e até antes.
Era por que os homens não costumavam viver muito mais do que 20 ou 30 anos, pois quando eles saiam para a guerra era para quase certeza de morte e oque os consolava eram os seus grandes feitos que os fariam imortais na história, a ambição daqueles homens era a de deixar um legado de honra para seus filhos através de seu nome e de seus feitos memoráveis em prol do seu povo.

Por Madrecita



"Eu sou Shutruk-Nahunte, Rei de Anshand e Susa, Soberano da Terra de Elam. Sob o comando de Inshushinak, eu destruí Sippar, capturei a estrela de Nirah-Sin e a a levei de volta a Elam onde eu a plantei como uma oferenda à meu Deus Inshushinak. Shutruk Nahunte - 1158 A.C."


Shutruk-Nahunte I é um líder ignorado pela história. Em 1158 a.C. colocou a região de Elam (atualmente no sudeste do Irã) em seu apogeu nos séculos XIII e XII a.C.durante o período Elamita (1500-1100 a.C.).

Elam é a região onde viviam os Elamitas. A região de Elam possui esse nome graças ao nome do primeiro filho de Sem.

Pouco se conhece da história de Shutruk-Nahunte. Filho de Hubannumena (Haludusinsusinak), pai de Kutir Nahunte II e o iniciador da dinastia Shutrukkides ou Shutrukida (Haludusinsusinak, Shutruknahunte I, Kutirnahunte II, Silhakinsusinak I, Huteludusinsusinak, Silhinahamrulagamar, Humbannumena II, Shutruknahunte II, Shuturnahunte I, Aksirnahunte Aksirsimut). Sabe-se também que ele foi rei da Anshand e Susa, sendo assim soberano da região de Elam durante 1180-1155a.C. Destruiu a cidade de Sippan (Sippar) com o "comando" do seu Deus Inshushinak. Acreditava também na deusa Napirisa (Kiririsha) tendo levantado um templo a ela em Liyan. Capturou muitos itens e levou para Susa, dentre eles as estelas de Hamurabi da Assíria e a estela de Naram Sin (Nirah-Sin) da Acádia, esta última foi levantada em homenagem ao seu Deus Inshushinak.

Shutruk-Nahunte é citado no filme "The Emperor's Club" (O Clube do Imperador, Universal, 2002), dirigido por Michael Hoffman, escrito por Neil Tolkin; apresentado por David Slagle, Wilmore, Kentucky, onde o professor o cita justamente por ser alguem que fez grandes conquistas por puro egoismo, de forma que foi esquecido pela historia.


Fontes: trecho do filme "O Clube do Imperador" traduzido por Anna gonçalez e Wikipedia.

Me juntando a vocês!


Esse era o lay out do Comic chat nos idos de 1996

Este post é em homenagem a uma pessoa muito importante que conhecí por acaso numa sala de bate papo da internet a exatos 15 anos atrás, lá haviam pessoas de todas as nacionalidades, na época era o famoso "Comic Chat", onde também conheci François o amigo canadense (um dia falo sobre ele), Llamas o húngaro, Fave e Rail o casal americano que se separou pouco tempo depois (eles passavam o dia inteiro na internet e tinham 4 filhos, fico imaginando a dinâmica desta família, só podia dar em separação infelizmente), Garfield o Tailandês e finalmente Alexandru Dan Georgescu, uma das pessoas com maior influência sobre a minha personalidade e minhas idéias, um ser humano do tamanho de um Deus, educado, polido, culto, sofrido.
Neto de húngaros que emigraram para a Romênia, Dan (assim o chamo) se recordava das dificuldades dos tempos da ditadura de Nicolau Ceausescu e me contou como era dificil ver sua mãe acordar de madrugada para ir para a fila do leite que iria alimentar ela e ao seu filho pequeno (ele no caso), Dan não teve pai, seu pai havia desaparecido no mundo quando os problemas surgiram; me contou como a leitura e as artes eram um refúgio gracioso nos tempos da ditadura e censura, a falta de informação os fez procurar os livros e muitas vezes por estarem em outros idiomas os forçou a aprender outras línguas também, além do fato de nessas ditaduras a educação escolar ser algo pontual, todos igualmente tinham acesso ao estudo.
Me lembro de como era delicioso trocar mensagens com ele pois tamanha era a poesia em suas palavras e na forma de ver a vida, lembro da felicidade ao descobrir que ambos gostávamos de Jane Austen, não hesitou em me enviar seus liros da autora, apesar de ser um homem adulto ele tinha olhos de criança para o mundo que se mostrou por trás da cortina de ferro, as coisas começavam a acontecer muito rápido em seu país desde a libertação, ele estava ansioso por mudanças, porém sua vida estava em xeque, havia traído sua esposa e ela o estava punindo (com razão talvez) pediu a separação, havia dias que enquanto conversávamos ele relatava os ataques histéricos que ela estava dando dentro de casa, eu ficava me perguntando onde estaria a esperança para aquela vida.
Dan tem uma filha que na época tinha seus 3 aninhos de idade seu nome Delia Ioana (Ioana era para Joana, uma homenagem a Joana Darc) e ele sofria por ter de ficar longe da menina.
Depois que a separação se concluiu, foi morar só em um imóvel da família, apesar da tristeza pessoal estava animado com as mudanças, no processo de mudança me lembro certa vez dele ter dito que havia encontrado a luminária perfeita para seu quarto porém era cara demais para o seu salário, a luminária custava em torno de $50 dolares, no dia seguinte fui a uma casa de cambio trocar dinheiro e enviar a ele em um envelope branco a quantia em dolar, alguém na época me disse que para enviar dinheiro e não ser desviado eu deveria envolvê-lo em papel carbono, e assim o fiz!
Pouco mais de uma semana depois ele tinha ua luminária no quarto e ficou feliz com a surpresa.
Tempos depois enviei também algumas coisas específicas do Brasil, aqueles tapetes trançados de feira, incenso de canela e uma ametista bruta.
Neste período de dificuldades contactei missionários locais e pedi a eles que fossem até o Dan lhe oferecer um auxilio e apoio moral neste momento difícil, eles foram, Dan ficou agradecido pela solidariedade e eu também agradeço ao casal Frietzen que se dispôs a ajudar meu amigo.
Mas a grande oportunidade surgiu quando certa vez um amigo da família mencionou uma viagem missionária a Romênia e que estaria aberta aos jovens de nossa comunidade religiosa que quisesse ir até lá ajudar o trabalho dos missionários, a viagem seguiria para Romênia, Moldávia e Ucrânia.
Na hora eu disse que gostaria muito de ir, seria o meu "kibutz" cristão, meu avô ficou felicíssimo e não exitou em me enviar. Foi um dos momentos de maior realização pessoal eu poder encontrar aquela pessoa que por tanto tempo (1 ano e meio) havia se correspondido comigo dividindo tristezas e alegrias de ambos, finalmente eu poderia fazer algo de fato.
Nos encontramos, foi ótimo, não haverá no mundo um amigo mais cuidadoso, carinhoso e compreenssivo que este meu querido Dan.
Passávamos dias inteiros conversando e andando por Bucaresti, Galati, Brasov. Dirigimos para a Transilvania, aqui na foto abaixo se vê o Castelul Bram ao fundo (que era é o nome do lugar e por isso o Drácula de Abraham "Bram" Stocker)



neste mesmo roteiro ainda fizemos um viagem de carro da Romênia para a Hungria vendo todos aqueles vales e campos verdes com seus girassóis, o tempo não existia e eu não podia acreditar que estava livre no mundo vendo a vida passar na minha frente sem ter onde chegar.


O possante verdinho que nos levava !

As placas sinalizavam Bélgica, Hungria, Austria e eu pensava: nossa a minha encruzilhada aqui é o velho mundo!
Finalmente encontramos o nosso amigo Lamas (o húngaro) para um belo passeio em Budapeste.


Vista do Budavari para pest e o parlamento húngaro.

foi um dia memorável e nossa viagem de volta outro passeio pelo imenso tudo e nada....estar na estrada com a total escuridão e aquele tapete de estrelas sobre as nossas cabeças wow! era um outro céu, não havia cruzeiro do sul, haviam novas estrelas novos formatos no céu.
Nesta noite quando chegamos nesta cidade chamada Campulung (a cidade de sua avó) era noite já, descarregamos e fomos a cidade tomar um refrigerante, havia essa ponte antiga que passava por sobre um rio raso e paramos alí para observar o céu, as estrelas e a LUA? cadê a lua?
havia se escondido atrás de alguma construção podíamos ver sua luz saindo detrás de algum lugar e na hora eu disse: a Lua está no meu bolso!
Meu amigo disparou e disse: Anna Claudia a princesa tropical que tem a lua em seu bolso.
Até hoje ele me chama assim, acho o máximo!
e você deve estar pensando que por trás disto tem alguma coisa né?
tem sim, AMIZADE!
Dan hoje em dia é tão bem casado quanto eu, casou-se com uma moçaTurca , tivemos nossos momentos de questionar todo esse encontro, mas no fundo sabíamos que era amizade e decidimos manter assim.
Depois disso meu amigo já veio em minha casa no Brasil com sua esposa, passamos bons momentos, eu, meu marido, ele e sua esposa.
A vida hoje em dia nos priva um bocado de tanto capricho e cuidado, afinal tenho 3 filhos e ele agora um bebê de menos de um ano de idade e se vocês se lembram tem a Delia agora com 18 anos, sua vida tem se dividido entre sua casa e férias no mar mediterrâneo, mas sempre que temos um tempo nos comunicamos e dividimos um pouco do todo que vivemos.
No final de tudo quando paro pra pensar nesta amizade penso que é perfeita demais para existir numa vida real, por isso foi divinamente providenciado que morássemos tão longe, tornando assim tudo meio impossível, se com certeza não pela consideração e o amor mútuo, tonar-se impossivel pela distância e pela vida que não para pra você atravessá-la!
A viagem missionária foi um sucesso, além do Dan conhecí muitas outras pessoas em lugares que vocês talvez nunca imaginem visitar com um mix de miséria e cultura, fenômeno do socialismo, esse país chamado Moldavia que me ensinou tanto e me recebeu tão bem.
Lá tive de comer a comida daquele povo não tinha opção, tive de dormir na melhor cama que eles tinham para me oferecer e não foi das piores, tinhamos que ir até a ACM (YMCA) mais próxima para tomarmos banho, pois a cultura do frio os incutia um banho de bacia que se tornava impossivel para quem estava acostumado com chuveiro, as necessidades fisiológicas eram feitas em casinhas de madeira no mais conhecido estilo banheiro turco porém sem saneamento diretamente no curral dos porcos.
Algumas das moças que conhecí me presenteou com seu espelho não me lembro de seu nome pois o espelho que o tem assinado atrás hoje em dia está na casa da minha mãe, mas ela era de um lugar chamado colibasi.
Pessoas humildes sem muito para dar, que davam, sem muito para ter do que se envaidecer e ainda sim eram vaidosas.
As vezes quando me pergunto se sou comodista, se tenho manias, frescuras, eu me lembro daqueles dias e sei oque eles me ensinaram.
Não há melhor comida, melhor pousada, melhor amizade, melhor casa, melhor cama do que aquela oferecida com todo amor, carinho e posibilidade.
Eles não tinham muito, me ofereceram o seu melhor. Quem sou eu para querer mais?
Lembro de ter professado as minhas esperanças para aquele povo em praça pública, havia uma intérprete que passava tudo do meu inglês latino para o russo e lembro de como as pessoas ficavam gratas e vinham me cumprimentar ao final.



Aqui está Aliona minha intérprete de Russo

Era gratificante e não só gratificante era sublime poder fazer algo por aquelas pessoas.
Uma das coisas mais tristes que fizemos foi visitar um orfanato, ainda tenho aqueles rostinhos nas fotos e fico me perguntando oque terá sido feito daquelas vidas.
No vôo para moldávia num Tupolev da Aeroflot lembro de ter conhecido um atleta local ele estava se preparando para as olimpiadas, no dia seguinte fomos visita-lo no endereço em que ele havia nos dado, um prédio todo caindo aos pedaços e a sua porta mais parecia uma porta de cofre bancário, a porta era tão grossa que ao batermos na porta ela não emitia som algum e campainha não tinha, até hoje não sabemos se não havia ninguem ou se ele não nos ouviu chamar.
A vida era assim, as ruas áridas, sem beleza exterior, sem comércio algum , nada belo ou turístico, a comida não era boa...os hotéis não eram agradáveis (ao menos tinham chuveiro e cuba sanitária), mas quando vc saia em um tour a cidade tinha história, como a Loba mãe de Rômulo e Remo, como a história de Stephan "O grande" herói da região, como a história dos ciganos que deram origem ao povo Romeno.
eu estava extasiada, pois o essencial é invisível aos olhos (Saint Exuperry).


A canção que segue é a expressão da minha empatia com meu amigo e aquele povo, enquanto dividirmos os mesmos ideais mesmo distantes eu estarei com vocês:



domingo, 30 de agosto de 2009

Às compras com Design

Inovação aliada ao consumo inteligente

Scot

Estrutura em liga de alumínio e sacolas de nylon.

Substituem perfeitamente as sacolas plásticas no transporte de produtos, podendo ser utilizado em shoppings, supermercados, feiras, panificadoras e mercearias.
Fabricação Rolser - Espanha, há mais de 40 anos no mercado. Suporta 20 kilos ou 59 litros.

DIMENSÕES: Largura 39 cm | Profundidade 36 cm | Altura 99 cm.

Esta você encontra AQUI.


sábado, 29 de agosto de 2009

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Tô na vida a passeio!



"O astronauta ao menos
Viu que a Terra é toda azul, amor
Isso é bom saber
Porque é bom morar no azul".

(O Astronauta - Vinicius)

Com a maturidade algumas coisas começam a se acentuar, tenho percebido em mim essa dualidade de vontades, as vezes quero estar muito arrumada, as vezes não quero nem pentear os cabelos!
Sinto-me consideravelmente melhor quando estou a vontade, óbvio que estar bem vestido e curtir é legal, mas estar a vontade na praia, comendo um milho sentindo o sol bater na pele, esquentando e arrepiando.
Ter uma vida mais simples, poder colar adesivos nas portas do armário (pelo lado de dentro rsrs), não se preocupar se as crianças estão colocando o quartinho de TV abaixo pois ali tudo lhes pertence e é ali que vão aprender que se estraga acaba, não tem outro, já era!
A mudança de vida e um pouco de estilo de vida também me fizeram perceber que algumas coisas em excesso prejudicam e a ausência de algumas coisas não faz a menor diferença, obviamente a ausência de outras coisas faz muita (tipo sauna rsrsrs).
Na verdade como eu dizia para meu mais novo amigo da Internet o Ahmet , não tenho tudo que quero, mas quero tudo que tenho!
Sou feliz sim, tenho comida na mesa, cama para dormir, meus filhos estão saudáveis, estudam em uma boa escola, consigo até sair para jantar bem mais frequentemente do que eu pensaria ser o ideal, tenho uma pessoa que me ama mais do que eu mesma às vezes.
Fico nesse meio tempo tentando encontrar algo que possa superar as minhas expectativas em relação a minha vida, mas é tudo matéria, pois no meu coração, na minha alma, além dos que estão longe nada me falta.
Com a mudança de vida tivemos que nos mudar para um prédio antigão, classicão, cheio de charme, mas também cheio de coisas para mudar e fiquei pensando que será um bom exercício das coisas que posso mudar, das coisas que não posso, das coisas que não quero mudar, mesmo que achem que deveria.
Curto a invasão do contraditório, a originalidade do antigo, a fragilidade do moderno e nada disso fazendo sentido as vezes me traz uma sensação de equilibrio, de que desta forma o deslumbramento não poderá me afetar, temo pelos meus filhos que por algum excesso possam vir a se achar donos do mundo, sendo que estão longe de o serem, são donos de uma parte muito especial do mundo (a nossa), mas não dele todo.
Nem quero! o mundo é muito complicado.
Mas conviver com constrastes e ter acesso as realidades nos torna mais pé no chão, estar em um meio aonde as pessoas medem oque você veste e logo depois adentrar um meio aonde as pessoas interagem não importa oque estejam vestindo, é para mim uma experiência factível.
vivo dentro da minha cabeça oque chamo as vezes de máquina de pensar, enormes conflitos, quando saio para comprar uma luminária por exemplo, o marido me diz: A mais barata, eu penso: a mais bonitinha com cara do que estou procurando (oque nem sempre é a mais barata), mas no fundo me pego pensando: não dá na mesma? mas é o danado do gosto de mulher, da vista da qual as mulheres são feitas na busca pelo mais bonito, pelo mais colorido , pelo mais seilá oque?
tudo que sei é que no dia-a-dia tudo acaba perdendo aquele encantamento e no fim das contas o efeito da luminaria de 16 reais e o da luminaria de 70 vão dar no mesmo!
mas ainda não me livrei do gosto pelas coisas belas e "caras" afffff
na vida tudo tem seu tempo, e o gosto das coisas no tempo certo é mais gostoso...assim creio e espero.
Quero acreditar que estou na vida a passeio e para isso não quero levar nem mala nem mapa, quero seguir leve e ao meu próprio tempo!


Criança diz cada uma!

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Só faltava essa!





“2012″ - pôster divulgação2012, novo trabalho do alemão Roland Emmerich, teve três pôsteres divulgados. Entusiasta dos finais catastróficos para o planeta, o diretor de títulos como Independence Day (1996), Godzilla (1998) e O Dia Depois de Amanhã (2004) faz, outra vez, uma aposta apocalíptica e coloca até o Cristo Redentor sendo destruído.

Nas outras duas imagens para promover o longa, que tem estreia marcada para 13 de novembro no Brasil, a Casa Branca, em Washington, e San Andreas Fault, em Los Angeles, também aparecem totalmente arruinados.

O novo filme-catástrofe se baseia numa teoria da civilização maia de que a Terra entraria em colapso, no ano que dá nome ao longa, após um tsunami que inverteria a ordem dos pólos. Resultado: milhões de efeitos especiais em muitas cenas de destruição.

John Cusack, Danny Glover, Thandie Newton, Woody Harrelson e Amanda Peet estão no elenco.




Esta reportagem me chamou a atenção obviamente pelo contexto envolvendo o Rio de Janeiro, cidade que amo e onde nascí, mas depois comecei a ler os comentários feitos sobre o filme e pude perceber que em sua maioria as pessoas não estão se atendo ao tema do filme em sí, mas em destruir o Rio de Janeiro, oque tinha de comentário defendendo a incitando a destruição da cidade não está no gibi, agora eu te pergunto: Oque o povo tem contra o Rio?

Só quem pode ter algo contra o Rio é o próprio carioca que sofre as mazelas da cidade e ainda assim continua amando, um dos piores comentários segue abaixo:


  1. 109
    SIDNEY:

    ainda bem …q vai destruir o rj ….cidade deveria acontecer na vida real tb ….cidade … lixo deveria começar pela favela da rosinha.

Além do caríssimo Sidney escrever coisas de mal gosto ainda escreve errado, rocinha Sidney é com "C".
Outro dia na rádio da cidade em que vivo atualmente (Santos/SP) os locutores da Rádio Tribuna estavam achando um absurdo o Juiz ter liberado a circulação de um livro que se referia a mulher carioca como popozudas e máquinas de sexo.
Mas com isso eles não estavam se condoendo da mulher carioca, eles conluiram com risadas que é uma merecida decisão pois é assim o carioca quer ser conhecido, diferentemente de Santos que divulga seus pontos turísticos e bla bla bla. PElO AMOR DE DEUS, quanta ignorância!
Na verdade o Rio é só mais uma cidade, com exceção de sua beleza, com pessoas boas e ruins, trabalhadoras e vagabundas, guerreiras e preguiçosas, como qualquer outra cidade.
Vivemos a nossa vida e agradecemos a Deus por ao nos encaminhar para o trabalho podemos ver o Mar , o Pão de açucar e o Cristo.
E nesse meio tempo um monte de gente fica querendo nos destruir e meter o malho, mas não importa oque importa é a vista!e tenho dito!

By Madrecita

PLOC - Flash back 80's nr 20

George Michael e sua música efervescente:

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Faça XIXI no banho!

A campanha é em favor da economia de água, eu por acaso achei a campanha um tanto curiosa, pois eu faço xixi no banho desde que me entendo por gente, é libertador!
Imagina aquele frio de lascar, você entra no banho e dá uma vontade louca de urinar, até parece que eu vou sair debaixo do meu chuveirinho quente e vou sentar na privada fria, para não urinar no box? por que fede? quem disse? fede nada! a menos que o banheiro não tenha uma higienização apropriada.
meus pimpolhos estão treinadíssimos,até xixi a distancia eles fazem, já miram da porta do box no ralo ;)

Bruno - um comentário quase breve!

da próxima vez que eu for ao cinema eu vou me lembrar que existe já uma nova maneira de fazer filmes.
Sasha Baren Cohen é o criador deste novo modelo de cinema, que não sei exatamente como os entendidos chamam, mas é uma mistura de ficção e realidade, a impressão que tenho é que sasha cria essa realidade paralela se veste com ela e envolve pessoas reais em seus cotidianos no meio da pantomima, porem as pessoas não sabem que é uma encenação ou um filme e as reações mais hilárias e inesperadas são vistas, sendo que o personagem de Sasha é de todos o mais inesperado!
Assim como Borat , Bruno toca em assuntos delicados e atuais , mas com audácia e sarcasmo que beiram o desprespeito em certos momentos, em outros nos mostra quão ridiculos são os seres humanos e suas verdades absolutas!
é o tipo de filme que você vai amar, odiar ou não vai entender nada!
para filmes como este não existe meio termo, eu gosto pois tem uma abordagem diferente e apesar das pessoas acharem que sasha gosta do escracho, eu acho mesmo é que ele arrumou um novo jeito de protestar e/ou de dizer as coisas de uma forma mais convincente, menos direta!
expia só!

Feliz Aniversário, Envelheço na cidade!



Existem coisas em nós que definitivamente não dá para compreender ou controlar.
Os meus dias são tão frenéticos que posso as vezes passar 3 dias sem sair de casa ou 3 dias inteiros na rua que para mim a intensidade de acontecimentos é quase a mesma.
Hoje (ontém) por exemplo foi meu aniversário saí de casa a uma da tarde voltei as 10 da noite, já pedindo penico, as crianças estavam atacadas de sono, pediam mamadeira, banho, cama , fralda, pijama , tudo ao mesmo tempo e agora!
Enquanto um quer fazer coco o outro quer fazer ou já fez xixi (na tampa do sanitário) e a terceira está pelada dentro do Box urinando todos o s brinquedos do banho e achando a maior graça (quando não está chorando).
Mas a história deste aniversário não começou engraçada assim. Com os preparativos do aniversário do meu filho esquecí o meu próprio (fazemos aniversario com 4 dias de diferença), e no baile da valsa de fazer festinhas (O artur tem uma em casa e uma na escola) eu acabei cansando de tanto escolher e encomendar bolos e tals.
No domingo demandei ao meu marido um almoço para que comemorássemos o meu dia com ele já que o dia seguinte seria uma 2a feira super Boring e comum.
Porem na noite anterior um vazio me invadiu, uma sensação de desamparo, eu estava então me dando conta de que chegara a minha vez e eu não estava com forças para comemorar, eu não estava com disposição para fazer a minha própria festividade, lembro de ter comentado com meu marido sobre o meu cansaço e sobre o fato de que se eu estivesse em minha TERRA bastaria um café com bolo de forno e com a chegada da familia se faria festa sem esforço e de como eu sentia falta disso!
No dia do aniversário de fato as crianças me acordaram peguntando: Hoje é seu aniversário né mãe?
Eu respondi que sim meio sonada e sem energia, eles sairam correndo e cantando parabens pra você ao vento sem ligar pra mim, hahahah Ainda bem!
Só mais tarde eu fui perceber o gesto deles, mas eles já estavam na escola e provavelmente eles mesmo já teriam esquecido.
Como gratidão deixei que todos escolhessem o lanche na escola, nada de lanche caseiro.
um gosta de pão de queijo, o outro adora pizza e o outro come qualquer coisa rsrsrsr!
Já me sentindo gratificada com meus filhos fui para meu almoço com as meninas, almoçamos decidimos assistir a esse filme "Bruno" que eu prefiro pensar ser uma forma genial de fazer cinema, apesar de o sasha ter exagerado um pouco desta vez, mas se o objetivo é a critica escrachada, ele conseguiu! confesso que no final já estava me sentindo um pouco enjoada de tantos "Pênis balançantes", pentelhos depilados entre outras pérolas do filme.
O filme acabou, seguimos nossos caminhos em busca dos filhos e cantei meu parabéns com meus filhos no maior estilo caseiro-improvisadão, foi ótimo!
A essa hora da noite, tudo que sei além do meu sono é que apesar da minha temporária descrença, do meu pé atrás com a vida, da minha saudade, da falta que me fazem todos os que amo, a vida tem sido gentil comigo!
desde sempre, nesses 36 anos, mais do que nunca, a vida tem sido gentil comigo...e sei que isso é só o começo!
Aprendi tambem que não devemos abusar da sorte (se preferem chamar assim) ou da vida e suas dádivas, ou da carteira do marido (o coitadinho trabalha muito).
Preciso me abrir a novas experiencias, novas melhores amigas, novas possibilidades de vinculo para me sentir pertencente a um tempo e lugar.
Chego aos 36 anos ciente de que se mudei foi por que eu quis, apesar de resmungar frases do tipo: aonde foi que eu errei, por que?
Sei que em algum momento eu pude decidir e aqui estou eu...tenho de confiar nos meus instintos.
Vive la vie!

sábado, 22 de agosto de 2009

Suína é só a gripe! O espirito não pode ser de porco!



Diz-se por aí como se deve proceder para evitar a gripe, todos os dias o noticiário tem mais vitimas ou diagnosticados, o sul do país está em pânico e o sudeste meio cético, já aconteceu de tudo: adiaram as aulas, adiaram a volta das grávidas ao trabalho, uso de máscaras em lugares e transportes muito fechados, Lá pelas Américas do Norte e na Europa já estão se vacinando, por aqui dizem que o Butantã e a Fiocruz prometem a vacina para a próxima temporada e eu fico só olhando isso tudo e pensando, mas não é exatamente a mesma coisa?
Se a outra gripe é tão menos agressiva por que se vacina todo ano?
qual tem sido o parâmetro para dizer que essa gripe é tão mais perigosa que a outra?
Se ao detectar os procedimentos são os mesmos de uma gripe conhecida e ignorada por que o alarde?
Já perceberam que o que deve mudar não são os hábitos coletivos, mas os hábitos pessoais?
lógico que educação em publico é sempre muito bom, não espirrar em cima de ninguem, colocar a mão na frente ao tossir etc, etc. Mas isso sempre foi assim, pelo menos minha avó me ensinou assim.
Oque está pegando nessa doença é quão doente ou debilitada pode estar a pessoa e isso convenhamos é uma questão de cuidados.
Se alimentar bem, manter a saúde são coisas boas para toda a vida, não protelar uma tosse mal curada, eu por acaso tenho uma pessoa próxima que por uma tosse mal explicada e mal curada está padecendo de fibrose pulmonar e entrou na fila dos transplantes, ela era saudável não tem grupe suína, apenas descuidou da saúde, não deu atenção aos sinais do corpo.
Então acho que a gripe suína é só uma entre tantas outras doenças desconhecidas que transitam nas nossas fuças enquanto viajamos por aí, mas na maioria das vezes estamos bem para nos defender.
como diria um antigo personagem da TV:
Saúde é oque interessa o resto não tem pressa!

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

PLOC - Flash back 80's nr 19

Essa era uma daquelas musicas que quando ouviamos não dava pra ficar parado, a incorporação desta também foi desativada então dê um clique e dance:

http://www.youtube.com/watch?v=NmDzKR7Rfx8

terça-feira, 18 de agosto de 2009

The Beatles Rock band -The Game

EXPERIENCE IT!

A Proposta é da Apple e o jogo nada mais que um viagem dentro do mundo dos Beatles com direito a estar em todos os lugares que eles estiveram, criar e recriar suas canções, ter acesso a fotos e arquivos confidenciais nunca vistos antes, ou seja ser o 5o Beatle, isso tudo no game que será lançado em 09 de setembro deste ano mundialmente.
Lógico que no Brasil nada é mundial, teremos que correr atrás mas no site oficial tem uma pré venda, só não sei se rola pro Brasil, dá uma conferida lá no site e no trailler aqui embaixo:



segunda-feira, 17 de agosto de 2009

I'm your man - Leonard Cohen Tribute

Como sempre estava eu zapeando e dei de cara com este documentário estrondoso sobre Leonard Cohen e fiquei de cara com esse compositor, poeta, monge, artista...me sentí presenteada pelo acaso, as músicas de Leonard são tão belas quanto ele.
Para quem não lembra dele, vamos ao filme Shrek em que toca uma canção chamada "Hallelujah", pois é Leonard Cohen (compositor).
Fiz algumas pesquisas para contar-lhes a historia dele de forma mais reduzida:

Leonard Cohen (1934-) é um mito. Um homem que entrou para o mundo da música com mais de 30 anos. Era um poeta renomado no Canadá e com sua visão singular e peculiar do mundo e da vida, deixou uma marca pessoal com seu disco de estréia. Leonard é uma pessoa reclusa, que evita ser badalado e lança poucos discos. Mesmo assim, influenciou barbaramente artistas de alto calibre. Em 1991, um tributo chamado I’m Your Fan (um trocadilho com o seu disco de 1988, I’m Your Man) reuniu algum de seus admiradores: John Cale, Ian McCulloch, Pixies, Nick Cave, Peter Astor (ex-Weather Prophets), House of Love, R.E.M., Lloyd Cole, James, entre outros. O homem que foi comparado a James Joyce pelos críticos norte-americanos é uma dessas sumidades pouco comentadas, mas sempre reverenciadas.

Fonte: Mofo

Este documentário ao que assisti se chama "I'm your man" mesmo título de um de seus albuns e tem participações de artistas não muito conhecidos do público sul americano, mas tem u2 e Bono fazendo backing vocal para Leonard (pode?) e "The edge" tocando gentilmente, affffff é de pirar!

Confira o trailler e o clip de Tower of Song e muitos outros:





domingo, 16 de agosto de 2009

Porque tempo é dinheiro!

Arte em PVC - Isnaldo Reis


Isnaldo Reis, nascido em 24 de fevereiro de 1953 em Recife, Pernambuco, Brasil, formado em arquitetura pela Universidade Federal de Pernambuco em 1977, executou durante esses 25 anos projetos arquitetônicos de dezenas de residências, edifícios residenciais e comerciais e um Shopping Center.

Como artista plástico, trabalha há 20 anos em pintura, escultura e design. Executou obras em concreto, ferro, amianto, madeira, vidro, mármore, granito, isopor, pvc, nylon, alumínio fundido, entre outros.

Nos últimos 4 anos desenvolveu um trabalho em tubos e chapas de PVC, esculpindo o material para transformá-lo em LUMINÁRIAS – hoje seu principal trabalho com mais de 100 modelos diferentes, trabalhando os efeitos de sombra e luz.


Tive a oportunidade de ver de perto o trabalho deste artista e devo lhes relatar que é algo realmente belo e especial vale a pena conferir.

confira aqui .



sábado, 15 de agosto de 2009

woodstock! 40 ANOS!

Entre 15 e 18 de agosto de 1969 um visionário (não vejo de outra forma) chamado Michael Lang organizou nos 10 meses anteriores um dos maiores ajuntamentos (show) de todos os tempos,Woodstock era mais que um Show!
Lançou músicos,moda, comportamentos e também protestos!
Apesar de muitos estarem ali por não saberem a que vieram ao mundo, o saldo de woodstock é bom, pois demandavam a paz, o amor, a igualdade, liberdade de expressão entre outros.
Era meio louco, era meio exagerado, mas na situação em que o mundo da época se encontrava eles não conseguiriam se fazer entender se não fosse dessa forma.
Valew a pena!
Acho bobagem tentar repetir a dose, pois nada será como antes, temos de reinventar a forma de dizer de acordo com a forma com que o mundo tem se apresentado nos dias de hoje.
Woodstock foi legal, mas não é mais a mesma linguagem.
Há de surgir um novo jeito de identificar a nossa época!

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

O mestre da madeira!

"Procurei fazer um móvel diferente daquele que se produzia. O móvel que até então se fazia guardava vícios do passado. Eram pesados, desproporcionais tanto no assento quanto no encosto ou braços. Então criei um móvel mais leve, mais funcional e mais cômodo. Afinal, o móvel,como muitas outras coisas de uso humano, tinha de se adaptar aos tempos, tomar novos rumos", Joaquim Tenreiro (1985).


Ele foi marceneiro, escultor e pintor. Mais que isso. Numa trajetória iniciada em fins dos anos 20 e que se prolongaria por mais de seis décadas, Joaquim Tenreiro tornou-se nacional e internacionalmente conhecido como o primeiro designer de móveis do Brasil. Nascido em 1906, em Melo, numa pequena aldeia na Serra da Estrela, Joaquim de Albuquerque Tenreiro era filho e neto de marceneiro e, aos nove anos de idade, começou a trilhar os primeiros passos de artesão. Foi na década de 20, já casado, que Tenreiro fixou-se em definitivo no Rio de Janeiro, ganhando a vida como carpinteiro e marceneiro para então em 1929, matricular-se em seu primeiro curso de desenho livre e afinal, dar vazão à paixão pela arte.

O designer - O primeiro móvel desenhado por Tenreiro data de 1942: a Poltrona leve, em imbuia preta, com um belíssimo tecido em branco e preto (da não menos conceituada artista plástica Fayga Ostrower). Depois, uma fabulosa e clássica seqüência: Cadeira de embalo, a Mesa e a Cadeira estruturais, e a célebre cadeira de três pés, a Trípode (de imensa repercussão em 1947 ao ser utilizada como cenário da peça Da necessidade de ser polígamo, de Silveira Sampaio, que apresentava - escandalosamente para época - um triangulo amoroso).

A carreira como artista plástico deslanchou no início da década de 40, quando participou com óleos e desenhos da Divisão Moderna dos Salões Nacionais de Belas Artes de 1941 e 42, onde ganhou vários prêmios. Eram paisagens, a natureza-morta, o retrato e o auto-retrato. Um desenho sensível, de um colorido suave, com predomínio de verdes em todos os tons. Pintou os bairros e paisagens da sua cidade adotada: Glória, Santa Teresa, Laranjeiras e também o Morro do Querosene. Essa atividade decresceria por um tempo, mas a multiplicidade artística (através das esculturas) continua até a década de 80.

Conhecedor em profundidade da madeira, Tenreiro trabalhou o jacarandá, o pau-marfim, o roxinho, o cedro, o vinhático e, foi o primeiro a explorar a diversidade cromática das madeiras brasileiras. Da união da palhinha à madeira surgiu outras obras-primas, como a Itamaraty, de 1965 ( desenhada e produzida para o salão de banquetes do Palácio do Itamaraty, em Brasília). "A palhinha em si não é um produto universal, aplicada em todos os setores. O caso é que no Brasil ela adquiriu características próprias, tornando-se praticamente brasileira" defendia, fervorosamente, Tenreiro. Em 1947, abriu loja no Rio e, em 1953, outra em São Paulo, atingindo bastante sucesso (a fábrica de Bonsucesso, no Rio, chegou a ter mais de 100 operários) porém, uma ascensão temporária: em 1968, pára as atividades de designer e produtor para dedicar-se inteiramente às artes plásticas.

Apesar de todo virtuosismo Tenreiro morreu pobre (aliás, comum aos grandes artistas da história), em 1992. Sua cadeira Embalo, de 1947, voltou a ser produzida pela Probjeto no mesmo ano da morte, mas, saindo de linha anos depois. Hoje, encontramos peças do artista apenas em livros, alguns museus e eventuais mostras. Uma pena que os trabalhos do nosso Joaquim Tenreiro não sejam reproduzidos pelas grandes indústrias moveleiras.

Fonte: Taste

Exposição Design brasileiro!


Untitled DocumentUntitled Document


EXPOSIÇÂO ARTEMOBILIA DE 19 de Agosto a 3 de Setembro das 10:00 às 18:00 h de Segunda a sábado.

Hoje é fato: Existe a consciencia sobre a importancia, a qualidade e a beleza do mobiliário moderno brasileiro e a consequente necessidade de aprofundarmos o nosso conhecimento e reconhecimento sobre esta fascinante historia, até pouco tempo atrás subestimada. Esta história que repercutiu e influenciou geraçoes porque está presente no nosso dia a dia, sao móveis e acessórios que compartilham conosco espaços e formas, cores e texturas, nas nossas casas, nos locais de trabalho e ambientes interiores em geral, mesmo que as vezes nos nao percebamos.
Esta exposiçao tem como objetivo trazer a luz preciosidades nunca antes expostas, deste periodo de pioneiros do design moderno brasileiro, geralmente arquitetos (com excessao de Tenreiro), que se viram na necessidade de desenhar e as vezes até mesmo produzir os móveis para as casas de estilo moderno que tinham acabado de projetar. A arquitetura moderna brasileira já se firmava, mas ainda nao existiam fabricantes de móveis ou marceneiros aptos a acompanhar este processo. Até os anos 30 a produçao do mobiliário urbano seguia cegamente os modelos tradicionais europeus, e o máximo de moderno que tinhamos eram móveis nitidamente inspirados no estilo Art Deco frances, tanto no desenho como nas madeiras e tecidos utilizados. Ou, como sintetiza Lina Bo Bardi, em depoimento a Pietro M. Bardi, a respeito da mobilia para o auditório do MASP para sua inauguraçao em 1947 "Nós viramos Sao Paulo inteiro e nao achamos ninguem que tivesse uma cadeira moderna. Fomos obrigados a desenhá-la".
Estas sequencia de 6 fotos traduz em imagens um pouco de nossas palavras e uma pequena amostra do que será a exposiçao: No sentido horário, a elegancia e a sofisticaçao de Jorge Zalszupin, o arrojamento de movelarias do sul do pais como Cimo e Gerdau, o glamour dos anos 50 presente nas criaçoes de Giuseppe Scapinelli e o pioneirismo e despojamento das materias primas brasileiras na cadeira dobrável de Lina Bo Bardi. Como nao poderia deixar de ser, selecionamos felizes e geniais exemplares criados por outros mestres e visionários como José Zanine Caldas, Sergio Rodrigues, Oscar Niemeyer, Geraldo de Barros, Jean Gillon, Martin Eisler, Carlo Hauner entre outros, e anonimos tambem, porem preciosos...
Sergio Campos - Realizador e curador

Karina Oliveira

artemobilia@artemobilia.com.br
Rua Cardeal Arcoverde, 470 - Pinheiros
Tel: (55-11) 3791-9929

www.artemobilia.com.br

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

FICA - GREENPEACE!

Extendo a todos o convite já que a entrada é franca

Salvar o Planeta é Agora ou Agora
12 de Agosto de 2009


Greenpeace convida: 2� Mostra FICA São Paulo

Olá Anna,

O Greenpeace Brasil gostaria de lhe convidar para a mostra do Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental ( FICA ) que acontecerá no Cine-Clube Socioambiental Crisantempo.

Conheça a programação acessando : http://www.cineclubesocioambiental.org.br/ficasp.html

Dias 14, 15 e 16 de agosto
Endereço: Rua Fidalga 521 – Vila Madalena – São Paulo

Entrada franca

Um abraço.
Luciano Marques
Coordenador de Relacionamento
Greenpeace Brasil



Greenpeace

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Paz na terra aos homens de boa vontade!

Palestinos ganham um dia de visita a Israel e vão à praia

Grupo da Cisjordânia ganhou permissão para passar um dia em Israel.
A maioria deles nunca tinha visto uma praia antes.

Da France Presse


Foto: Yehuda Raizner/AFP

Palestina acompanha filhos em banho de mar em Bat Yam, perto de Tel Aviv (Foto: Yehuda Raizner/AFP)

Foto: Yehuda Raizner/AFP

Um grupo de crianças palestinas e seus pais, a maioria deles da cidade de Tulqarem, na Cisjordãnia, ganhou permissão do Exército israelense para entrar em Israel por um dia. Grande parte deles foi à praia pela primeira vez (Foto: Yehuda Raizner/AFP)

Centenário de Carmem Miranda!

Sei que foi em fevereiro seu aniversário, mas não podia deixar passar batido afinal de contas agosto é o mês que relembramos tambem sua perda.

Um tributo a Carmem.

A Pequena notável nascida em Portugal (Canaveses) que veio para o Brasil ainda bebê e que fez fama internacional se tornando a atriz mais bem paga de Hollywood de seu tempo, faleceu aos 46 anos de ataque cardiaco fulminante.
Há ainda hoje diversas discussões sobre a nacionalidade de Carmem e suas características pouco aparentes de uma suposta bahiana (mulata e etc...) eu prefiro pensar que ela nasceu portuguesa e escolheu ser brasileira, podia representar qualquer mulher, mas escolheu a bahiana.
e qual o problema? tanto o Brasil quanto a bahiana tem de agradecer a Carmem pois não denegriu nenhuma das duas (nação e mulher), ao contrário!
E pelo que me consta não existem nativos no Brasil além dos índios, então se Carmem tivesse que fazer uma bahiana real seria uma indiazinha né? e de cara seria ela filha de uma india com um portugues bonitão tipo aqueles que aportaram em cabrália...então se Carmem não pode ser brasileira que ela seja filha de india bahiana com portugues...bahiana então...ó pai ó!

PLOC - Flash back 80's nr 18

Não podemos falar de anos 80 sem falar em B-52's:

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Comportamento!!!


Arquitetura, Urbanismo e humanização da fofoca!



"...De forma geral, os pátios maiores eram os que corriam menor risco de serem ameaçados por quadrilhas locais, por bandidos que habitavam na vila. Havia pois, uma lógica de quanto maior a rede interna do pátio, maior a segurança. Por outro lado, a vila configurava-se pela coexistência de diferentes territórios. Os laços de vizinhança eram muito fluídos, sendo permanentemente negociados, quando não agonísticos. Como havia sempre um vizinho chegando ou outro saindo, as desconfianças eram acirradas e os códigos de convivência precisavam ser readequados. Na topologia configurada nos pátios os espaços abertos destes prestavam-se a essas negociações e às relações agonísticas que resultavam em rivalidades das redes de vizinhança. O espaço vazado e aberto do pátio, em que muitas atividades domésticas e de trabalho eram realizadas, proporcionava também que as pessoas controlassem-se mutuamente sobre o que faziam, possibilitando a vigilância moral do outro, sobretudo pela “fofoca” - forma performativa de rivalizar e ter controle moral sobre o outro.
O pátio articulava-se, pois, na lógica interna de recomposição de pertenças a partir das quais estabeleciam-se estratégias de sobrevivência e de vida e nas dinâmicas territorializantes e identificatórias de traçar alteridades entre vizinhos em suas relações de natureza solidária ou agonística..."

Fonte: DO CAMPO ANTROPOLÓGICO FRENTE AS POLÍTICAS PÚBLICAS: CONSIDERAÇÕES A PARTIR DA ETNOGRAFIA DO REASSENTAMENTO DA VILA CAI CAI.
Maria Helena Sant´Anna


A perspectiva da fofoca (expiação da vida alheia)nessa época era de regulador comportamental ainda havia alguma ética, eram os guardiões da moral e dos bons costumes, quem não se lembra das irmãs cajaseiras da novela "O Bem Amado" ? retratando muito bem uma época, hoje em dia a fofoca saiu dos quintais e virou fuxico sensacionalista (invasão da vida alheia algumas vezes com consentimento velado), quanto menos moral e ética melhor.
fala-se muito hoje em dia da fofoca corporativa (espionagem e maledicência para se sobresair ou derrubar o colega ou só burrice e falta do que fazer mesmo) onde os ajuntamentos de pessoas acontecem.
Já existe até uma certa discplina com relação a fofoca nesses ambientes.
diz-se que a fofoca no ser humano tem a mesma força que o ato de se coçar (ou catar) nos macacos...tem a ver com interação social!
vá entender!

Jabor, J'adore!

A medida que envelheço e convivo com outras, valorizo mais ainda as mulheres que estão acima dos 30;
Elas não se importam com o que você pensa, mas se dispõem de coração se você tiver a intenção de conversar;
Se ela não quer assistir ao jogo de futebol na tv, não fica à sua volta resmungando, pirraçando... vai fazer alguma coisa que queira fazer... E geralmente é alguma coisa bem mais interessante;
Ela se conhece o suficiente para saber quem é, o que quer e quem quer.
Elas definitivamente não ficam com quem não confiam;
Mulheres se tornam psicanalistas quando envelhecem.
Você nunca precisa confessar seus pecados... elas sempre sabem...
Ficam lindas quando usam batom vermelho.
O mesmo não acontece com mulheres mais jovens... Por que será, hein??
Mulheres mais velhas são diretas e honestas.
Elas te dirão na cara se você for um idiota, caso esteja agindo como um!
Você nunca precisa se preocupar onde se encaixa na vida dela.
Basta agir como homem e o resto deixe que ela faça...
Sim, nós admiramos as mulheres com mais de 30 anos!
Infelizmente isto não é recíproco, pois para cada mulher com mais de 30 anos, estonteante, bonita, bem apanhada, sexy, e bem resolvida, existe um homem com mais de 30, careca, pançudo em bermudões amarelos, bancando o bobo para uma garota de 19 anos...
Senhoras, eu peço desculpas por eles, não sabem o que fazem!
Para todos os homens que dizem: 'Porque comprar a vaca, se você pode beber o leite de graça?', aqui está a novidade para vocês: hoje em dia 80% das mulheres são contra o casamento e sabem por quê? Porque ' as mulheres perceberam que não vale a pena comprar um porco inteiro só para ter uma lingüiça!'.
Nada mais justo!

Arnaldo Jabor

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Música e perfume!

documentário datado de 2005 falando da vida de Bethania por ela mesma by Georges Gachot (2005).
Vale a pena fuçar as locdoras e as vendas de DVD tipo FNAC e afins pois o documentário é porreta.

domingo, 9 de agosto de 2009

sábado, 8 de agosto de 2009

Para sempre Villa Lobos!

Tenho sentido uma necessidade extrema em conhecer esse maestro que outro dia ouví um outro maestro (não lembro o nome) elogiar desmedidamente.
Ha alguns anos atrás fui presenteada com um Cd de Villa Lobos por uma prima que tem um gosto como o meu: Agridoce, do moderno ao erudito contanto que não seja grito estaremos admirando...até por que no belo e no hediondo existe arte, se não pudermos chamar de arte no minimo expressão, tem sempre alguem querendo dizer algo, bonito ou feio, existe o direito de ser ouvido.
Mas Villa Lobos eu diria é o bem mais que necessário...

da série "Hoje é dia de Maria" uma das mais belas apresentações de "Melodia Sentimental" desde Dajavn a Bethania...todos lindos!

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Os Super humanos!

Os "Super humanos" é um programa da discovery que está distribuido em 12 partes no you tube e fala dos seres humanos que tem mutações genéticas que lhe atribuem algo extraordinário.Como por exemplo: O homem de gelo (consegue regular a temperatura do proprio corpo com a mente), o cego pintor (que consegue pintar sem nunca ter enxergado), a sinestésica (que enxerga as cores e formas do som), a calculadora humana (o homem que faz calculos na velocidade da luz, mais rápido que uma calculadora) e etc...
O cientista geneticista LAB estuda estes super humanos e prevê o aperfeiçoamento da espécie através da manipulação genética de acordo com as necessidades, ele arrisca dizer que no futuro as pessoas poderão escolher ter um filho com as habilidades do homem de gelo dentre outras...
poderiamos dizer que estes são os X-MEN da realidade, vale a pena conferir.
Eu particularmente acho cedo para dar uma opinião, mas se eu tivesse que dar alguma impressão sobre este fato seria que nada tenho contra tais super humanos, apenas não entra na minha cabeça essa coisa de manipulação genética, pois penso eu que na mesma medida que você muda algo para melhor algo poderá acabar descompensando, quem saberia dizer se uma combinação genética manipulada ao se cruzar com outra alteração genética manipulada não geraria uma aberração ou tanto problema que não valeria o estrago, ou então teremos de ser todos manipulados e revisados antes de seguirmos em paz para o útero de nossas mães.

chupa essa manga transgênica!


quinta-feira, 6 de agosto de 2009

O café tem dessas coisas!


Acredito que você já tenha conhecimento e já leu várias vezes sobre a lenda do café com o pastor Kaldi e seu rebanho de ovelhas que mascavam umas frutinhas vermelhas e ganhavam uma energia inexplicável.

Também, sabe que o café é uma das bebidas mais consumidas em todo o mundo, apesar de algumas divergências de opiniões quanto aos males do seu consumo.

Porém, segundo pesquisas, temos comprovado que aquele "cafezinho" diário em doses moderadas pode sim, beneficiar nosso organismo.

O café é uma bebida rica em minerais,contém vitamina B, ácidos clorogênicos, antioxidantes naturais, alguns nutrientes que ajudam a prevenir a depressão. A dose diária recomendada pelos especi
alistas é de 3 a 4 xícaras, equivalente a 500mg de cafeína, o que estimula a atenção, concentração, memória e o aprendizado escolar.

Sendo assim, aproveitamos a ocasião e o friozinho para recomendar algumas receitas de bebidas quentes feitas a base de café, prove!

Tangerina
Coffee

300 ml de café bem quente
2 colheres (sopa) de licor de laranja
2 colheres (sopa) de creme de leite batido (chantilly)
4 gomos de tangerina
Tiras de casca de tangerina
Açúcar a gosto

Coloque o café em duas taças. Junte uma colher de licor em cada uma. Adoce a gosto. Cubra com o chantilly. Decore com as tiras de casca e os gomos de tangerina. Sirva imediatamente.

Mousse de Café

5 ovos separados
4 colheres (sopa) de açúcar
200 g de chocolate meio amargo picado
100 g de manteiga ou margarina
1 xícara (café) de café bem forte
2 colheres de rum

Coloque as gemas e o açúcar na batedeira e bata até que cresçam. Junte em outra tigela o chocolate, o café, a manteiga e o rum e leve ao fogo em banho-maria para que derretam. Misture com uma espátula e incorpore às gemas batidas. Misture bem. Bata as claras em neve bem firme. Junte delicadamente ao creme de chocolate. Distribua o mousse em taças individuais e leve a geladeira por 4 horas, decore com grãos de café torrados.

Cocktail de Cappuccino com grappa

2 cl de grappa
200 ml de espresso quente
2 a 4 colheres de chá de açúcar
200 ml de leite
Cacau em pó para polvilhar

Coloque a grappa em dois copos altos. Mexa o açúcar num espresso duplo até estar completamente dissolvido. Adicione dois terços do espresso à grappa. Aqueça o leite e misture com o restante do espresso. Com cuidado, verta a mistura de leite e espresso nos copos com uma colher comprida ou despeje lentamente. Deste modo, evita-se que as camadas se misturem. Vaporize o restante do leite e com cuidado, coloque-o sobre o espresso. Polvilhe com cacau em pó.


Fonte: Spicy



quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Sin perder la ternura!



"Acima de tudo, procurai sentir no mais profundo de vós qualquer injustiça cometida contra qualquer pessoa em qualquer parte do mundo. É a mais bela qualidade de um revolucionário."
(Che Guevara)

A Máfia do lixo Internacional!

Mas não precisou nem o problema dos sacos de lixo de supermercado para termos de lidar com a questão de lixo indevido em nossa área, UM ABSURDO!
Como assim despejar seus dejetos no Brasil? isso vale? é assim ? embala e envia ? sem cartão? sem flores? nenhum agrado para ludibriar a kenga? Brasil né?! quem vai notar?
Aquilo lá é uma bagunça mesmo, mais um lixo menos um lixo ninguem vai perceber...
Será oque que se passa na cabeça de um "ser humano" desses?
Sério que acharam que ninguem ia notar? ou será que tem esquema e faz tempo que estamos depositando lixo alheio em nosso solo?
Já se fala na Máfia do Lixo e não é de hoje que vários lugares no nosso país são depósito de lixo internacional, agora pode isso?
è a Mãe gentil , Patria amada, idolatrada, prostituida...Brasil!
Na boa da próxima vez que for enviar endereça lá pra Brasilia, Senado Federal, aos cuidados de José Sarney!

"Não sabe brincar, vá brincar no seu portão"

Contêineres com lixo vindo da Inglaterra devem deixar Santos nesta quarta

Navio de empresa que trouxe os resíduos chegou à cidade na terça.
Devolução faz parte de acordo feito com o Ibama.

Do G1, com informações do Bom Dia São Paulo

Os contêineres com lixo que chegaram ao Porto de Santos, a 72 km de São Paulo, em novembro do ano passado devem deixar a cidade até as 12h desta quarta-feira (5). O navio de uma das empresas responsável pelo envio dos detritos chegou ao porto na noite de terça-feira (4).

Veja o site do Bom Dia São Paulo

A embarcação veio do Porto de Rio Grande, no Rio Grande do Sul, onde buscou outros 40 contêineres com lixo que também foi trazido da Inglaterra. As empresas responsáveis pela importação e trasnporte ilegal do lixo terão que pagar multas ao Ibama, em valores que chegam a R$ 2 milhões.

Apesar de o lixo ter chegado em Santos em novembro de 2008, ele só foi descoberto em julho deste ano. Na noite de terça, todos os contêineres que serão devolvidos foram embarcados no navio. Na manhã desta quarta, era terminado o embarque de outras cargas que serão transportadas.

A devolução faz parte de um acordo feito com o Ibama. Uma equipe do instituto checou os lacres dos contêineres antes deles serem embarcados, para garantir que eles não serão abertos antes da chegada à Europa.

Antes de atravessar o Oceano Atlântico, o navio ainda fará uma última parada no Rio de Janeiro. A previsão é de que ele chegue à Inglaterra no dia 17 de agosto. Mesmo após a devolução da carga, as investigações sobre o caso continuam a ser feitas no Brasil

PLOC - Flash back 80's nr 17

Inesquecível e bizarro scatman joe! infelizmente o clip está com a incorporação desativda, mas vale a pena a clicada para ver esse clássico daquela época:

http://www.youtube.com/watch?v=mpHLEm9-0bg

terça-feira, 4 de agosto de 2009

sentipensador?

Sábios doutores de Ética e Moral serão os pescadores das costas colombianas, que inventaram a palavra sentipensador para definir a linguagem que fala a verdade.

(Galeano no livro dos abraços pag 119)

Cadê o meu saquinho que tava aqui?

O Diálogo a seguir o qual presenciei é verídico entre patroa e empregada, leiam:

-Ô Dona, como é que vai ficá a questão do saco de supermercado heim?
-Como assim?
-É a Sra sabe né?! vai acabar, tem prazo e tudo taum dizeno...
-Poisé, vamos ter que comprar aqueles sacos azuis que vem em rolo.
- e é?
-Sim, claro! como faremos com o lixo se não for assim?
-é! e quanto custa um negócio desses?
- ahhhh seilá uns 7 ou 8 reais, eu acho.
-Noooooooooooooossa! 7 ou 8 reais? com esse dinheiro eu compro carne! nem pensá...já ví tudo, vai ter lixo espalhado por todo lado lá na comunidade.
-ué menina, por que?
- A Sra acha que pobre tem 7 ou 8 reais pra dar em saquinho de lixo? vão é jogar tudo na rua, no terreno abandonado...ai ai ai, vou ter que inventar um jeito de jogar meu lixo fora.
-...





Reflexão:
Se o fim das sacolas de supermercado vai favorecer a questão do impacto ambiental, ao mesmo tempo vai causar de certa forma uma crise socio-econômica comportamental , pois não é pouca verdade que é cultural o uso destes sacos para despejo de dejetos de pessoas de TODAS as classes sociais haja vista que todas fazem mercado (sem exceção), com a diferença de que justamente as que tem acesso ao saneamento mais que básico, tem também dinheiro para comprar as sacolas comercializadas.
em contra partida as áreas mais carentes de saneamento e etc...terão mais esta defasagem de embalagens para acondicionar este lixo, causando mais sujeira a céu aberto, poluição, insalubridade nas comunidades...
Acho melhor a COMLURB e os outros orgãos responsáveis pela "limpeza" no país (além das prefeituras) se anteciparem ao problema e criar algum tipo de coleta ou depósitos de lixo estrategicamente colocados em áreas onde possa haver algum tipo de despejo ou
"O LIXO VAI PEGAR".

Depois não vá dizer que a cigana te enganou, já dizia minha avó!

Ação Social

D I V U L G U E



BIZ ReVoLuTiOn

Pare de pensar sobre ser melhor que os outros. Vence sempre quem é DIFERENTE.

O melhor morre estressado, o diferente vive, cresce, sorri, respira e se diverte.


(Ricardo Jordão Magalhães)

Café de mineiro com boa prosa...



Primeiro é preciso não ter pressa , assentar os pensamentos, refrescar a cabeça.
O café é que deve ser quente, fumegante, sair lentamente da xícara e ir temperando as palavras. Esperar assar o pão de queijo, sentir seu cheiro vir lá da cozinha. Enquanto isso sai da boca do forno a boa prosa, o ouro puro do milho, inesgotável. Aí pode surgir um caso, um conto, uma fatia de história ou um fio da memória puxado. Coisas que o mineiro gosta de guardar e dá de graça...
Para adoçar o encontro, consigo, com a infância ou com os avós, é bom mergulhar na Ambrosia (alimento dos deuses). Dizem que ela é capaz de resgatar qualquer alma do limbo e devolvê-la sem pecado original. E doce de abóbora, geléias, biscoitinhos, travessuras para os olhos e o paladar, tantas cores formas e sabores.
Ao afrouxar assim o tempo, podemos nos tornar seus donos, em vez de seus servos. Numa mesa de café, em minas gerais, gastamos sem medo uma coisa que ainda temos: outro tempo, Trem dificil de achar por ai pra comprar.


Texto e aquarela de Maria José Boaventura


Tiradentes FEV/2003

(os momentos mais serenos e tranquilos passamos em Tiradentes - MG e não podemos deixar de mencionar a Casa de chás e cafés Maria Luiza e sua Ambrosia sine qua non)

39a House and Gift Fair - SAMPA

House & Gift Fair

A House & Gift Fair é a maior feira profissional de artigos para casa da América Latina, que reúne empresas nacionais e internacionais em um mesmo local, já consagrado com seis salões. A novidade para este ano é o lançamento de mais dois salões, totalizando oito espaços segmentados.

Todo o mercado de artigos para casa - fabricantes, importadores, distribuidores, prestadores de serviço, compradores e formadores de opinião - encontra-se na House & Gift Fair, que tem ampla divulgação nacional e internacional com anúncios em revistas especializadas e exposições nas principais feiras mundiais do setor, atingindo assim compradores de mais de 100 países.

OBS: O credenciamento ONLINE já terminou, mas há um formulário a ser preenchido e apresentado para pegar credencial no local evitando filas.


segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Alice para maiores!

A idéia de que Alice no País das maravilhas é um conto adulto adaptado para crianças é uma das teses que giram em torno deste filme tão subliminar e cheio de significados para tanta gente de forma diferente.
como podemos conferir na música abaixo, boa por sinal.




One pill makes you larger
And one pill makes you small
And the ones that mother gives you
Don't do anything at all
Go ask Alice
When she's ten feet tall

And if you go chasing rabbits
And you know you're going to fall
Tell 'em a hookah smoking caterpillar
Has given you the call
To call Alice
When she was just small

When the men on the chessboard
Get up and tell you where to go
And you've just had some kind of mushroom
And your mind is moving low
Go ask Alice
I think she'll know

When logic and proportion
Have fallen sloppy dead
And the White Knight is talking backwards
And the Red Queen's off with her head
Remember what the doormouse said:
"Feed your head
Feed your head"

Alice no pais das maravilhas 2010

A versão de Tim Burton para os cinemas direto dos estudios Disney.
Levando-se em conta que Alice é uma historia de gênero surreal Tim Burton e surrealismo é a combinação mais que perfeita, Lewis caroll e Alice no pais das maravilhas foram precursores no surrealismo literario...esperemos para conferir a Alice de Burton que penso eu será a mais surrealmente real das Alices dantes vistas!
Previsto para Março de 2010 nos EUA por aqui 16 de abril!

Ouse sonhar sua vida!

Nas férias assisti um sem numero de filmes de todos os gêneros, alguns não consegui assistir devolvi com multa e não vistos (Austrália e A vida dos outros - fico devendo) PUTZ!
Mas um filme que me fez chorar convulsivamente e tocou no fundo, além das verdades reconhecidas e das verdades que não vemos....PHOBE IN WONDERLAND é um filme maravilhoso que tem os temperos ideais para mim: contos de fadas, crianças, superação e sonho!
na tradução em português "A menina no país das maravilhas" , o filme se baseia em uma das minhas historias prediletas "Alice no pais das maravilhas" esse conto cheio de significados que ninguem jamais compreendeu totalmente, até por que neste caso é totalmente pessoal, os significados de cada personagem, A rainha de copas, o gato, o coelho, os irmãos ovo...cada um tem seu lugar na vida e na psiquê de todos nós.