Chega de ser macaco de auditório!

Chega de ser macaco de auditório!

terça-feira, 9 de agosto de 2011

MAD TO LIVE!


Eu prefiro as pessoas loucas, aquelas que são loucas pra viver, loucas para falar, loucas para serem salvas, desejosas de tudo ao mesmo tempo, que nunca bocejam ou dizem uma coisa corriqueira,mas queimam, queimam, queimam, como fabulosas velas amarelas romanas explodindo como aranhas através das estrelas
Jack Kerouac

3 comentários:

Dr. Andre Bressan disse...

Viver é bom.

Mas vale lembrar que o Jack Kerouac passou mais da metade dele sob efeito de drogas e álcool, de uma forma destrutiva, desraizada,com surtos de depressão, alucinação e solidão.

É muito razoável que ele exalte a vida de uma forma MUITO intensa, incendiária.

Um beijo, incendiário.

Marcos Satoru Kawanami disse...

Tua foto é uma obra de arte. Vc era meio sisuda..., virou artista.


"Navegar é preciso, viver não é preciso."

MAR PORTUGUÊS

Ó mar salgado, quanto do teu sal
São lágrimas de Portugal!
Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
Quantos filhos em vão rezaram!
Quantas noivas ficaram por casar
Para que fosses nosso, ó mar!

Valeu a pena? Tudo vale a pena
Se a alma não é pequena.
Quem quer passar além do Bojador
Tem que passar além da dor.
Deus ao mar o perigo e o abismo deu,
Mas nele é que espelhou o céu.

Fernando Pessoa


;*
Satoru

.

Marcos Satoru Kawanami disse...

E o poema acima de Pessoa é um hino à vida, mas à vida com desapego à própria vida a bem da vida intensa em prol dos feitos que fazem a vida valer a pena, que fazem a gente existir e timbrar nossa existência indelevelmente sobre o planeta.